O processo natural de envelhecimento é uma inevitabilidade e muito associado à dor de costas, sendo um importante fator de risco em algumas patologias. O excesso de peso (obesidade), muitas vezes associado a maus hábitos alimentares provoca uma maior pressão sobe a coluna. O sedentarismo e ausência de exercício físico, não só podem agravar o problema do excesso de peso, como não permitem ter músculos que permitam sustentar a coluna de uma forma adequada, podendo desencadear crises. As posturas incorretas, seja de pé sentado ou deitado, são também um dos fatores que podem desencadear o problema. Uma postura correta é determinante para prevenir a dor nas costas. O tabagismo (fumar) também aumenta o risco de vir a padecer de dor nas costas. Veja mais informação em prevenção. 

7 minutos A doença fibromialgia é uma condição crônica que traz dor generalizada nos músculos, ligamentos e tendões. Esta condição também pode ser acompanhada de fadiga e distúrbios do sono. Bem-vindo a mais um artigo do blog Sua Solução Online. Neste post você irá conhecer mais um pouco sobre a doença fibromialgia, uma síndrome que afeta milhares de pessoas no mundo inteiro. Estudos médicos mostram que até seis milhões de americanos têm fibromialgia, muitos deles são mulheres. E não importa quantos relaxantes musculares e Continue lendo→
A acupressão seria capaz de facilitar esse momento e encurtar a duração do parto, segundo experimento da Universidade Estadual de Campinas. Participaram da pesquisa 156 mulheres, que deram à luz em três hospitais do interior paulista. Naquelas submetidas à acupressão, o trabalho de parto durou, em média, 221 minutos, ante 398 minutos das que não passaram pela técnica. Antes de recorrer a ela, cabe um papo com o obstetra.

A acupressão promove o relaxamento muscular, aumento a circulação local, liberação de pontos gatilhos da musculatura (miofasciais) e liberação de endorfinas. Pela Medicina Tradicional Chinesa (MTC), ela desbloqueia os canais e os pontos de acupuntura, fazendo com que o Qi (“energia”) volte a circular livremente pelo corpo, restabelecendo o funcionamento do corpo, promovendo a “auto cura”.

Manter a postura apropriada durante longas horas de trabalho extenuante e durante o sono é aconselhável. Uma pessoa que se queixa de dor nas costas deve seguir passeios regulares e realizar exercícios diários. Isso proporciona relaxamento aos músculos e articulações tensas. Deve evitar rigorosamente usar sapatos de salto alto, pois eles podem constantemente pressionar sua dor nas costas.
A dor nas costas é considerada a doença crônica mais comum entre os brasileiros, atingindo cerca de 36% da população, segundo dados da Escola Nacional de Saúde Pública. Desses, cerca de 68% buscam tratamento. Esse tipo de dor pode ocorrer em qualquer idade, sendo mais raro na infância e mais comum após os 40 anos.Em jovens e adolescentes, a incidência de dor nas costas têm aumentado devido a erros posturais, obesidade, sedentarismo etc.
Os materiais e as informações contidas no canal Remédios Caseiros são fornecidos apenas para fins gerais e educacionais e não constituem qualquer aconselhamento jurídico, médico ou outro em qualquer assunto. Nenhuma das informações sobre os nossos vídeos é um substituto para um diagnóstico e tratamento por seu profissional de saúde. Procure sempre o aconselhamento do seu médico ou outro profissional de saúde qualificado antes de iniciar qualquer nova dieta ou tratamento e com qualquer dúvida que possa ter a respeito de uma condição médica. Se você tiver ou suspeitar que você tem um problema médico, contate imediatamente o seu prestador de cuidados de saúde.
Uma vez diagnosticada a dor, a primeira iniciativa do tratamento consiste em identificar e corrigir as causas que desencadearam a compressão do nervo. A RMA (Reconstrução Músculo-Articular) da Coluna Vertebral é um método não cirúrgico, desenvolvido pelo ITC Vertebral, para o tratamento da hérnia de disco bem como de outras lesões da coluna, como a própria dor no nervo ciático. O programa fisioterapêutico utiliza técnicas de Fisioterapia Manual, Mesa de Tração Eletrônica, Mesa de Descompressão Dinâmica, Estabilização Vertebral e Exercícios de Musculação ou Pilates e tem por objetivo melhorar o grau de mobilidade músculo-articular, fortalecer os músculos profundos e posturais da coluna vertebral através de exercícios terapêuticos específicos, além de diminuir a compressão no complexo disco vértebras e facetas, dando espaço para nervos e gânglios.
Dores – Segundo a fonte ouvida pela Golf Week, Tiger não sofre de uma hérnia grave, do tipo que necessita de cirurgia, e sim de uma protusão discal – ou disco abobadado (imagem à direita)-, como se o disco fosse um hambúrguer com um lado maior do que o pão, no caso as vértebras. Esse tipo de patologia pode ser controlado em algumas semanas, com medicamentos para a dor e fisioterapia, mas os discos não se regeneram, o que pode obrigar as pessoas a conviver com o problema. Embora não seja propriamente uma hérnia de disco, a protusão discal provoca os mesmos sintomas ao comprimir as raízes nervosas.

A coluna lombar é a região do corpo mais vezes afetada, independentemente do nível de golfe praticado. A sua limitada torção fisiológica sobre um eixo fixo, combinada com a alta velocidade do swing e a necessidade de o parar repentinamente, poderão potenciar determinadas lesões como o espasmo muscular, a hérnia discal, artrose das pequenas articulações posteriores da coluna, entre outras. 
Caracterizada por um desvio no plano frontal (ou seja, no sentido látero-lateral), os desvios das vértebras fazem um ângulo de inclinação lateral, compensando com uma rotação do lado oposto, numa tentativa de restaurar a gravidade para o centro, esta rotação também provoca uma assimetria de costelas e conseqüente deformação da caixa torácica, esta deformação é conhecido como corcunda da costela.
No caso de uma auto aplicação, a técnica não é invasiva e se chama acupressão. Ela visa estimular alguns pontos de acupuntura ao pressiona-los com a ponta dos dedos. O método pode ser utilizado sempre que sentir dores, mal-estar, ansiedade ou outro desconforto de ordem física ou mental. Se os resultados não surgirem na primeira tentativa, não desista!
No século passado, atribuía-se o grande número de pessoas com dor lombar aos esforços feitos pelo corpo de forma repetida e errada, e com o desenvolvimento tecnológico, a tendência seria diminuir, já que hoje, se quisermos, não precisamos nem sair de casa para nada. E quanto aos atletas, seres fortes, saudáveis, com abdominais invejáveis (para alguns), exemplos de saúde, qual a razão de também sofrerem com as malditas dores? Fortalecer a musculatura ou alongar? Só abdominal resolve? Perguntas como estas são diárias nos consultórios e academias, só que não é tão simples assim. A boa saúde de nosso organismo como um todo depende de uma diversidade de fatores, em sua maioria, muito simples e que muitos teimam em complicar. Para um corpo ser saudável, ele precisa de fortalecimento e atividade, alongamento e repouso, além, é claro, de uma boa nutrição e hidratação.

... Intervenções comportamentais apresentaram evidências de efetividade e, portanto, constituem parte dos procedimen- tos clínicos padrão no tratamento da FM (Heymann, et al. 2010;Provenza et al., 2004). Existem diferentes estratégias comportamentais para o tratamento da dor crônica, dentre elas o modelo de condicionamento clássico baseado na ex- posição graduada de situações as quais o indivíduo evita por ter anteriormente sentido dor; o modelo operante que se ba- seia na relação entre os comportamentos de dor (e.g.: maior tempo em repouso, pedido de medicação, queixas relaciona- das à dor, entre outros) e a sua manutenção por regras (e.g.: "sair de casa vai piorar a dor") ou pelas consequências a cur- to prazo fornecidas pelo ambiente social; e o modelo cogniti- vo que destaca o papel causal das crenças e distorções cognitivas, que podem intensificar a percepção da dor (Glombiewsk et al., 2010;Vandenberghe, 2014). ...
Saber distinguir se a dor é oriunda de um problema na coluna ou se o paciente tem pré-disposição para contratura desse músculo será de fundamental importância para saber se é possível alongar ou não. É importante salientar que a causa mais comum da dor ciática são as lesões degenerativas da coluna vertebral, tais como: hérnia de disco, protrusão de disco, espondilolistese, artrose nas vértebras inferiores e estenose vertebral. Nesses casos, alongar os músculos posteriores da coxa podem até contribuir para o aumento da dor. Nas lesões mais severas e graves, os pacientes poderão apresentar quadros de fraqueza muscular em uma das pernas ou nas duas, e a falta de força poderá mudar o padrão da caminhada. Nesses casos, o paciente não consegue ficar de ponta de pé sobre a perna afetada ou dar alguns passos usando apenas os calcanhares.
7 days ago by itiomassagem Pessoal, estamos à procura de voluntárias para a pesquisa de TCC sobre SPM (síndrome pré-menstrual). Leia atentamente aos pré-requisitos e veja se você se encaixa nos critérios. Atendimento será com auriculoterapia. ▶️Link na BIO! Bit.ly/tcc_spm181 Agradecemos de coração!  #itio   #itiomassagem   #massoterapia   #tcc   #pesquisa   #auriculo   #auriculoterapia   #spm   #tpm   #tratamento 
Estudos descobriram que a ioga é seguro e eficaz para as pessoas com nervo ciático dor. (4) Alguns dos movimentos mais importantes para a prevenção ciático dor de destino costas, a construção de força e relaxante dura áreas. Exercícios para prevenir a dor lombar e reforçar o núcleo são usados até em ambientes de reabilitação para o nervo ciático pacientes após a cirurgia.
Como prometido no início da noite dessa segunda-feira, Adriano apareceu para treinar no Ninho do Urubu nesta terça. Ele aceitou as condições impostas por Zinho, que suspendeu o contrato de imagem do jogador. Além disso, o Imperador não poderá perder mais nenhum treino e terá um acompanhamento permanente da parte emocional, que pode ser feito por um psicólogo. Ele só voltará a receber integralmente se andar na linha.
Frequentemente, a lombalgia desaparece por conta própria, mas se não forem adotadas medidas adequadas é comum que ela retorne. A ciática exige um tratamento mais específico, complexo e elaborado que a lombalgia simples, mas que costuma ser bem-sucedido quando bem executado, permitindo ao o paciente voltar a ter uma vida normal. Mas é importante segui-lo à risca para evitar complicações mais graves.
EFICÁCIA: o peso corporal é uniformemente distribuído sobre as pontas das unhas, fisicamente falando. Um total de almofadas de agulhas 230 com um total de mandris de pirâmide 6210 estão localizados no tapete. Depois de um curto período de tempo, você sentirá um calor agradável e agradável que se espalha por todo o seu corpo. Ideal para relaxamento e meditação.
Contudo, ao invés de lidar com soluções cientificamente lógicas, a inclinação se torna excessiva aos tratamentos bem mais agressivos, exames caros de imagem e extensa lista de medicamentos para alívio dos sintomas. Sem sombra de dúvida, todas alternativas de interesse financeiro. Sem falar na recomendação cirúrgica desnecessária na grande maioria dos casos de pacientes com episódios de dor lombar.
Criar uma lista de desejos. Esse recurso permite que você acompanhe os itens que você está interessado em comprar no futuro. Depois de comprar os itens, eles saem da sua lista e passam para a lista de reordenação rápida. Para adicionar um item à sua Lista de Desejos, basta clicar no link Adicionar à Lista de Desejos. Você pode adicionar à sua lista quantos itens você quiser. Você pode navegar para esta lista através da Minha conta.
Actividad física (ejercicio físico): la realización de un programa de ejercicios supervisado, puede tener efectos beneficiosos sobre la capacidad física del paciente y los síntomas de la fibromialgia a corto plazo. Debe ser personalizado, con una actividad física realizada 2-3 veces por semana, de inicio gradual, y evitando los ejercicios que provoquen dolor por forzar una zona determinada. La actividad física más adecuada es la aeróbica, como la gimnasia, la danza, la natación y la hidrogimnasia. El ejercicio aeróbico ayuda a mejorar el rendimiento y, en ocasiones, ayuda a disminuir el umbral del dolor.
Manter a postura apropriada durante longas horas de trabalho extenuante e durante o sono é aconselhável. Uma pessoa que se queixa de dor nas costas deve seguir passeios regulares e realizar exercícios diários. Isso proporciona relaxamento aos músculos e articulações tensas. Deve evitar rigorosamente usar sapatos de salto alto, pois eles podem constantemente pressionar sua dor nas costas.
Como uma extensão da reabilitação efetiva, também oferecemos aos nossos pacientes, veteranos incapacitados, atletas, jovens e idosos um portfólio diversificado de equipamentos de força, exercícios de alto desempenho e opções avançadas de tratamento de agilidade. Nós nos aliamos às principais cidades, terapeutas e treinadores para oferecer aos atletas competitivos de alto nível as possibilidades de se dedicarem às suas maiores habilidades dentro de nossas instalações.

A fibromialgia, na medicina moderna, é qualificada como uma síndrome ou transtorno de dor crônica, na qual a pessoa sente dores por todo o corpo. Esssas dores estão mais evidenciadas nas articulações, nos músculos, tendões, em outros tecidos moles. Causando fadiga, sonolência, indisposição, dores de cabeça, depressão e ansiedade. A fibromialgia ainda não tem cura.
Lin Tchie Yeng – A psicoterapia ajuda a pessoa a entender e reduzir os fatores desencadeantes. Hoje, em vez da psicoterapia clássica muito difundida no Brasil, defende-se a utilização das terapias cognitivo-comportamentais que buscam modificar a percepção do que acontece ao redor e o comportamento. Se o paciente compreender a causa da doença e desenvolver hábitos e comportamentos adequados, saberá lidar melhor com os episódios dolorosos.
Existem diferentes fatores desencadeantes da lombalgia. Contudo, a questão postural está entre os principais fatores de risco. Hábitos incorretos de postura ao deitar, sentar ou realizar qualquer atividade do dia a dia, no trabalho e lazer podem acarretar em malefícios à coluna. Mas outros fatores também podem ser apontados como causas para o desenvolvimento da lombalgia. É o caso de inflamações/infecções; hérnias de disco, artrose ou escorregamento de vértebra; sedentarismo; obesidade; fatores genéticos; envelhecimento e até questões emocionais.
Dores – Segundo a fonte ouvida pela Golf Week, Tiger não sofre de uma hérnia grave, do tipo que necessita de cirurgia, e sim de uma protusão discal – ou disco abobadado (imagem à direita)-, como se o disco fosse um hambúrguer com um lado maior do que o pão, no caso as vértebras. Esse tipo de patologia pode ser controlado em algumas semanas, com medicamentos para a dor e fisioterapia, mas os discos não se regeneram, o que pode obrigar as pessoas a conviver com o problema. Embora não seja propriamente uma hérnia de disco, a protusão discal provoca os mesmos sintomas ao comprimir as raízes nervosas.
Com tantos fatores influenciando na coluna, é necessário um cuidado com a saúde. A prática regular de exercícios físicos pode prevenir e tratar alguns problemas de coluna, evitando a dor nas costas. Além disso, deve-se controlar os hábitos posturais diariamente, principalmente no trabalho; alimentar-se bem e controlar o peso. Lembrando que é imprescindível o acompanhamento médico e fisioterapêutico para manutenção da saúde, com seguimento se uma patologia, como a hérnia de disco, já estiver instalada. Existem diversos tratamentos que já demonstraram excelentes resultados.
Uma dor nas costas refere-se à dor constante sentida nas costas, especialmente nas áreas da parte média e inferior. O tipo de estilo de vida, condições de trabalho, sentado em um computador durante longas horas e hábitos alimentares são responsáveis ​​por dores nas costas. Verificou-se que eles podem ocorrer devido a uma postura inadequada por longos períodos de tempo. O uso de saltos altos também resulta em alongamento extenuante dos músculos, resultando em dores nas costas. Algumas das outras causas de dor nas costas incluem levar coisas pesadas forçando as costas, gravidez e certas doenças, como distúrbios renais, irregularidades no ciclo menstrual, meningite, obesidade, gripe, osteoporose ou artrite.
Tratamentos não-cirúrgicos — como ajustes de quiropraxia, acupuntura, massagem terapêutica e o fortalecimento de alongamento e o back — pode funcionar tão bem como cirurgias e medicamentos para o tratamento de perna e lombar, nervo ciático dor. Eu recomendo estes como a primeira linha de defesa — por exemplo, ver um quiroprático que pode ajustar a coluna vertebral e ajudar a aliviar a pressão sobre o nervo ciático.
Lin Tchie Yeng – A dor é apenas um sintoma e é preciso descobrir suas possíveis causas. Se a pessoa se posiciona mal diante da escrivaninha ou do computador, usa travesseiros inadequados, ou dorme de mau jeito, pode sentir dores no pescoço ou nas costas que tendem a desaparecer quando eliminados os fatores desencadeantes. No entanto, se a dor não melhora ou melhora pouco, é recidivante e não responde de maneira satisfatória aos tratamentos convencionais, médico e paciente devem levantar a possibilidade de um caso de fibromialgia.
Lutaif explica: “As marcas na pele são sangramentos temporários no tecido subcutâneo, consequências de um processo de sucção da pele por muito tempo. De acordo com a medicina chinesa, essas dores que a pessoa sente seriam causadas pela estagnação da energia, e as ventosas ativas promovem a movimentação dessa energia bloqueada. Essas marcas não são deixadas no tratamento estético e, quando aparecem, podem durar até cinco dias.”
Existem várias classes de medicamentos que são utilizados em conjunto com o tratamento não medicamentoso. As drogas mais utilizadas são analgésicos de ação central, incluindo algumas drogas antidepressivas e antiepilépticas que têm esta ação analgésica. Medicamentos para melhorarem o padrão do sono e miorrelaxantes também são, frequentemente, utilizados isoladamente ou em conjunto com medicamentos analgésicos.
Se o primeiro ponto não funcionar, tente o próximo ponto, ou pontos, até você encontrar um que funcione. Pode haver mais de uma abordagem a seus sintomas, tal como 'rins' X 'dor nas costas.' Quando encontrar um ponto que ajuda, trabalhe esse ponto. Se o alívio é temporário, reestimule o local. Algumas vezes a dor passa e retorna três ou quatro vezes, cada vez em menor intensidade. Seu objetivo é a harmonia interna, então, fique em um local silencioso, sente-se ou deite-se e relaxe. Evite música alta, exercícios, alimentos, drogas ou álcool enquanto estimula seus pontos de pressão.
A causa mais comum da lombalgia aguda é algum movimento errado que o paciente fez no seu dia a dia, como: carregar peso em excesso ou de forma errada; abaixar o tronco para pegar algum objeto com as pernas esticadas; fazer rotação do corpo mantendo os pés parados no chão, ao invés de rodar todo o corpo; pegar algum objeto em uma estante alta inclinando o corpo para trás, dentre outros comportamentos.
Além disso, por meio de hábitos saudáveis – como a alimentação adequada e a prática regular de atividades físicas que envolvam exercícios de condicionamento cardiovascular, carga e alongamentos da região lombar e posterior dos membros inferiores  – é possível manter um peso adequado e fortalecer os músculos de modo a garantir suporte necessário ao corpo e uma postura correta.
– Mantenha seu peso em forma. Pessoas acima ou abaixo do peso têm mais chances de ter lombalgia. Os gordinhos ou obesos possuem menos flexibilidade da coluna, além de menor resistência das articulações e menos força muscular. A gordura da região abdominal desloca a coluna para frente, sobrecarregando os músculos das costas. Já os magros podem ter problemas alimentares, como a deficiência de cálcio. Se faltar esta substância, a pessoa pode ter osteoporose e desenvolver fraturas nos ossos.
O sintoma mais marcante é a dor nas costas intensa que pode ser incapacitante. Porém, os sintomas são diversos e estão associados à área em que foi comprimida a raiz nervosa, podendo, assim, serem irradiados para outras áreas. Pode haver parestesias (formigamentos) com ou sem dor; dor nas pernas e pés, braços, mãos e dedos; dormência nos membros. E, nos casos mais graves, pode haver perda de força nas pernas e incontinência urinária.
Muito se fala na musculatura do reto abdominal, mas a importância para a estabilização da coluna está em um músculo mais interno, que se chama transverso abdominal. O trabalho com exercícios para a coluna vertebral visa o fortalecimento do transverso abdominal, pois ele vai ajudar os multífidos, que são os músculos mais profundos e que ficam próximos à coluna vertebral, evitando assim lesões, inclusive a dor ciática.

O gradual desgaste (osteoartrose das facetas articulares) da coluna lombar poderá só por si causar dor, habitualmente agravada com o movimento de torção e flexão do tronco. Este desgaste poderá também levar a um deslizamento de uma vértebra sobre a outra, podendo causar  compressão das estruturas nervosas, onde novamente a dor irradiada é um importante sinal de alerta. A esta patologia chamamos espondilolistese. 


Na hérnia discal cervical – pode ocorrer dor cervical (cervicalgia) ou dor irradiada ao longo do braço, por vezes, até à mão (braquialgia; cervicobraquialgia), espasmos e dores nos músculos do pescoço, dor no ombro e braço, descrita pelos doentes como “ardimento (ardência) ou queimação”, dor de costas como uma “pontada ou fisgada”. Para além destes sintomas é também possível a ocorrência de dor de cabeça (cefaleias), formigueiros, adormecimento, alterações na sensibilidade e fraqueza muscular do membro afetado.
×