Segundo a lenda, foi um camponês chinês que sofria de dores de cabeça que desenvolveu a técnica da acupressão. Enquanto lavrava, ele deixou o arado cair no dedão do pé. Pouco depois, suas dores de cabeça desapareceram. No dia seguinte, após o surgimento de uma nova dor de cabeça, ele repetiu a experiência, e o resultado foi o mesmo. Não sabemos se essa história é verdadeira ou não, mas a acupressão parece ser realmente originária da China, assim como a acupuntura. Mas, apesar de ambas as práticas estarem relacionadas, a acupressão não utiliza agulhas.
“Crianças adoram correr, a questão é: quando a corrida pode passar a ser uma atividade física regular? O ideal é que elas já tenham ossos e músculos mais maduros que permitam esse atividades mais intensas. Para isso é recomendável esperar a pré-adolescência ou mesmo a adolescência. Outro fator que deve ser considerado é o desenvolvimento psicológico da criança, já que antes dessas fases ela deve ser estimulada às atividades mais lúdicas”, pontua Bruno Massa, especialista em ortopedia infantil .   

Lin Tchie Yeng – Normalmente, a dor da fibromialgia aparece num ponto determinado. A pessoa se queixa, por exemplo, de dor no braço e o médico suspeita de tendinite ou LER (lesões por esforços repetitivos). No outro dia, ela reaparece no ombro ou nas regiões lombar e cervical. É uma dor migratória que, na ausência de diagnóstico e tratamento adequado, pode espalhar-se por todo o corpo.
The study participants comprised 156 pregnant women equally distributed into three groups. There were no losses after randomization but the participants who had cesarean deliveries were excluded for the calculation of labor duration because of the surgical intervention during labor. Therefore, labor duration was analyzed in participants with vaginal deliveries, as described in the data collection process (Figure 2).

Só como exemplo, um estudo publicado em 2005 dividiu um grupo de pacientes em dois. Um recebeu tratamento com acupuntura e outro com placebo (falsa acupuntura feita com objetos pontiagudos que não eram inseridos na pele e nem estimulavam os pontos tradicionais da acupuntura chinesa). Os pacientes do grupo placebo não sabiam que estavam usando placebo, todos achavam que estavam sendo submetidos à acupuntura tradicional.

The study participants comprised 156 pregnant women equally distributed into three groups. There were no losses after randomization but the participants who had cesarean deliveries were excluded for the calculation of labor duration because of the surgical intervention during labor. Therefore, labor duration was analyzed in participants with vaginal deliveries, as described in the data collection process (Figure 2).
Este modelo é dividido em três estágios. No primeiro, chamado de Cognitivo, o paciente é educado quanto a anatomia, função, importância e forma de contração correta destas musculaturas. O treino geralmente é iniciado na posição deitada, mas deverá progredir para as posições sentada, em pé e em quatro apoios. O fisioterapeuta ensina ao paciente a localização dos músculos, a realizar a palpação deles colocando os dedos indicador e médio na região inferior do abdômen, e a contraí-los levando sutilmente o umbigo para dentro até sentir uma leve tensão sob os dedos.
Entre os chineses, há o "Qi" que os chineses chamam de energia vital. A energia da vida flui como um rio sem obstáculos através do corpo. Se, sob certas condições, o fluxo sem impedimento for perturbado, certos pontos do corpo devem ser estimulados para gerar e fluir o novo "Qi". Os distúrbios podem ser de origem física, bem como origem mental, mental e emocional. Ao estimular certos pontos do corpo, a harmonia necessária entre a mente e o corpo é estimulada.
7 minutos Qual a melhor dieta para quem tem fibromialgia? Toda pessoa portadora de fibromialgia é dominada por sua variedade de sintomas. A fibromialgia é considerada uma condição neurológica grave que, com o tempo, pode levar a muitas complicações. Bem vindo a mais um conteúdo do blog Sua Solução Online. No post de hoje nós iremos trazer informações importantes sobre alimentação para tratamento de fibromialgia e também conhecer um pouco sobre suas causas. Embora milhões de pessoas em todo o mundo sejam diagnosticadas com fibromialgia, Continue lendo→
As dores sacroilíacas também podem ser um sinal de uma emergência médica. Se, por exemplo, de repente deixar de controlar o funcionamento da bexiga, não conseguir conter as fezes, perder sensibilidade na zona inguinal ou surgirem sinais de paralisia numa ou nas duas pernas, deverá procurar um médico ou chamar o serviço de emergência. Os sintomas referidos podem ser sinais de um prolapso discal, o qual, quando não tratado, pode causar lesões permanentes.
Contraditoriamente, apesar do paciente sentir-se persistentemente cansado, não fazer nada ao longo do dia tende a piorar os sintomas. Nada é pior para os sintomas da fibromialgia do que o sedentarismo. Exercícios físicos aeróbicos e musculação melhoram a qualidade de vida e diminuem a intensidade das dores e a sensação de cansaço. O paciente deve ser encorajado a sair da inércia e vencer a indisposição inicial. Estudos mostram que a prática de Yoga e Tai Chi Chuan são tão eficazes quanto exercícios aeróbicos, ajudando a melhorar o cansaço, as dores e a qualidade do sono.

Estima-se que 85% da população mundial sofrerá com dores nas costas pelo menos uma vez na vida. Para os praticantes de atividades físicas, as chances de ter uma debilidade por conta de dores lombares também são altas. No caso dos atletas, entretanto, é mais importante ainda que o tratamento seja feito corretamente, pois as chances de agravar a lesão com a atividade física são grandes.
A Tabela 1 apresenta as características gerais das parturientes, conforme grupo de locação. Os grupos foram semelhantes quanto à idade, aos anos de estudo e estado marital. A maioria das participantes tinha instrução escolar até o ensino médio (96,2% do grupo BP6, 90,4% do GT e 94,2% do GC). As demais estavam cursando ou haviam concluído o ensino superior.
Durante o processo de cicatrização, o tratamento ocorre em diferentes níveis para que o corpo possa relaxar. Por um lado, a dor é aliviada, as propriedades regenerativas são restauradas na área das costas por aplicações de rotina e o fluido suficiente é ativado na coluna vertebral para garantir o fluido necessário para evitar tensões ou inflamação no pior dos casos.
De acordo com sua declaração, um disco em Woods devolveu-se seriamente devido a causar ciática, as três cirurgias e dor severa nas costas e nas pernas. Durante a operação recente, o disco danificado foi removido e o espaço do disco colapsado foi elevado a níveis que eram regulares. O objetivo é aliviar a pressão sobre o nervo, diz o comunicado. O procedimento foi realizado pelo Dr. Richard Guyer do Centro de Reposição de Disco no Texas Back Institute.
Os materiais e as informações contidas no canal Remédios Caseiros são fornecidos apenas para fins gerais e educacionais e não constituem qualquer aconselhamento jurídico, médico ou outro em qualquer assunto. Nenhuma das informações sobre os nossos vídeos é um substituto para um diagnóstico e tratamento por seu profissional de saúde. Procure sempre o aconselhamento do seu médico ou outro profissional de saúde qualificado antes de iniciar qualquer nova dieta ou tratamento e com qualquer dúvida que possa ter a respeito de uma condição médica. Se você tiver ou suspeitar que você tem um problema médico, contate imediatamente o seu prestador de cuidados de saúde.
Localize o ponto de pressão abaixo do joelho. Encontre o fundo de seu joelho e meça quatro dedos abaixo dele. Com a mão oposta, coloque um dedo direitamente abaixo do menor dedo de medição (seu dedo mindinho), do lado de fora de sua tíbia. Se encontrou corretamente o ponto de pressão, um músculo dobrará se você mover o pé para cima e para baixo.[5][6]
Lin Tchie Yeng – A dor é apenas um sintoma e é preciso descobrir suas possíveis causas. Se a pessoa se posiciona mal diante da escrivaninha ou do computador, usa travesseiros inadequados, ou dorme de mau jeito, pode sentir dores no pescoço ou nas costas que tendem a desaparecer quando eliminados os fatores desencadeantes. No entanto, se a dor não melhora ou melhora pouco, é recidivante e não responde de maneira satisfatória aos tratamentos convencionais, médico e paciente devem levantar a possibilidade de um caso de fibromialgia.
Simplesmente coloque o Halsa Tapete de Bem-Estar em uma superfície plana e cuidadosamente deite-se com as costas contra o tapete. A intensidade da experiência pode ser influenciada pela colocação da esteira em uma superfície dura, como o piso, ou uma superfície macia, como uma cama. Você sentirá uma sensação de aquecimento depois de cerca de 5 minutos no Halsa Wellness Mat. Usos mais experientes podem permanecer no tapete por 45 minutos ou mais para atingir o máximo de efeitos.
Muito se fala na musculatura do reto abdominal, mas a importância para a estabilização da coluna está em um músculo mais interno, que se chama transverso abdominal. O trabalho com exercícios para a coluna vertebral visa o fortalecimento do transverso abdominal, pois ele vai ajudar os multífidos, que são os músculos mais profundos e que ficam próximos à coluna vertebral, evitando assim lesões, inclusive a dor ciática.
“Deve-se respeitar as distâncias compatíveis com a idade. Não existe uma regra clara para isso, mas quanto mais nova a criança, menor deve ser a distância, até porque distâncias muito longas desestimulam. O que também pode causar lesões são superfícies instáveis, inclinações e obstáculos. No mais, as crianças podem brincar de correr à vontade. Oferecer água também é um estratégia que diminui as chances de lesões”, ressalta o profissional de educação física.
O ioga é um tratamento razoável a experimentar a par da toma de medicação e auto tratamentos. Estudos realizados revelam que os doentes com problemas nas costas que participaram em 12 sessões semanais de ioga tinham menos dores do que os que fizeram exercícios terapêuticos e receberam formação nessa área. Alem disso, o alivio da dor, em comparação com o outro grupo, também era mais duradouro, durando mais 14 semanas.

Os profissionais de saúde, principalmente fisioterapeutas e educadores físicos, têm o dever de incentivar os indivíduos que sofrem com disfunções relacionadas ao nervo ciático a praticar regularmente atividade física, inclusive aeróbica. O desenvolvimento das fibras musculares tipo I e consequentemente o condicionamento aeróbico liberam endorfina. De tal modo que as pessoas se mantenham ativas e dispostas a dar continuidade ao tratamento.
Quanto mais restrições o indivíduo apresentar, mais próximo deve ser o acompanhamento profissional. Afinal, até exercícios simples podem desencadear uma crise de dor, caso não sejam executados com técnica adequada. Se questões de ordem operacional ou financeira não permitirem uma supervisão profissional adequada, o programa de exercícios deverá ser elaborado com margem de segurança ampliada (exercícios mais simples e com menor intensidade), mesmo sabendo que a velocidade e a magnitude dos resultados serão menores.

Deite-se um tapete de acupuntura indica que a pressão exercida pela superfície do tapete é consistente. Esta libertação de pressão peps de endorfinas pela glândula pituitária. Estas endorfinas são apenas péptidos opióides endógenos que desempenham o papel de neurotransmissores no corpo. Isso desencadeia o estresse geral e alívio da dor, seguido de relaxamento completo. Em alguns casos, as esteiras de acupuntura também acreditado para reduzir os níveis de pressão arterial elevada.
A etiologia da compressão do nervo ciático é variada, e os sintomas também se manifestam de formas diferentes em cada paciente. O diagnóstico cinesiológico-funcional adequado, a observação dos exames complementares e a escolha pelos testes sensíveis vão colaborar com o tratamento dos pacientes com ciatalgia e outros sintomas relacionados ao nervo ciático.
Indivíduos com diabetes têm um risco percentual de 35 de desenvolver dor no pescoço e nas costas, de acordo com um estudo recente. Os pesquisadores conduziram oito pesquisas em diferentes ocasiões, revelando que os indivíduos com diabetes têm maior chance de desenvolver dor no pescoço e nas costas. Segundo os pesquisadores, a dor crônica é comum ...
O surgimento de qualquer quadro doloroso, independente da idade, atividade, ou forma como surgiu o desconforto, deve ser consultado com um profissional responsável para que possa fazer uma avaliação inicial, diagnosticar o problema e melhor encaminhar o aluno ou paciente ao tratamento ideal, e quanto mais cedo for feito o diagnóstico correto do problema melhor o resultado do tratamento.
O ITC Vertebral desenvolveu uma técnica de tratamento para a coluna vertebral sem procedimentos invasivos. Os pacientes são tratados de acordo com os sintomas e sinais da dor. Não existe um trabalho padrão e é aí que consiste um dos grandes diferenciais do ITC Vertebral: o indivíduo passa por uma avaliação criteriosa, sendo direcionado, a partir dessa primeira etapa, para um atendimento personalizado. Fala-se, portanto, em “Subclassificação” das dores na coluna vertebral, os critérios de tratamento obedecem às características individuais do estado clínico do paciente.
Lin Tchie Yeng – O primeiro passo é fazer um exame físico e neurológico para afastar a possibilidade de algumas miopatias, problemas neurológicos que podem induzir cansaço e fraqueza muscular. Depois, é feita uma avaliação das estruturas musculares, ósseas e dos ligamentos. Esses exames são fundamentais para descartar outras doenças. Por fim, apalpam-se os 18 pontos dolorosos já mencionados para fechar o diagnóstico. Alguns autores defendem que, havendo de nove a 11 pontos dolorosos, a doença está caracterizada.
Uma dor nas costas refere-se à dor constante sentida nas costas, especialmente nas áreas da parte média e inferior. O tipo de estilo de vida, condições de trabalho, sentado em um computador durante longas horas e hábitos alimentares são responsáveis ​​por dores nas costas. Verificou-se que eles podem ocorrer devido a uma postura inadequada por longos períodos de tempo. O uso de saltos altos também resulta em alongamento extenuante dos músculos, resultando em dores nas costas. Algumas das outras causas de dor nas costas incluem levar coisas pesadas forçando as costas, gravidez e certas doenças, como distúrbios renais, irregularidades no ciclo menstrual, meningite, obesidade, gripe, osteoporose ou artrite.

Lin Tchie Yeng – Normalmente, a dor da fibromialgia aparece num ponto determinado. A pessoa se queixa, por exemplo, de dor no braço e o médico suspeita de tendinite ou LER (lesões por esforços repetitivos). No outro dia, ela reaparece no ombro ou nas regiões lombar e cervical. É uma dor migratória que, na ausência de diagnóstico e tratamento adequado, pode espalhar-se por todo o corpo.
As participantes foram alocadas por meio de uma lista de seleção de números aleatórios e distribuídas em três grupos: acupressão (BP6); grupo toque (GT), placebo; e grupo controle (GC). O estudo utilizou o método duplo-cego; nem as parturientes do grupo BP6 e GT nem tampouco os profissionais que prestavam assistência na unidade obstétrica sabiam a que grupo cada participante pertencia. Com relação ao GC, não houve possibilidade de cegamento devido às próprias características do estudo.

Estima-se que 1% a 2% de todos os adultos a experiência de uma hérnia de disco em algum ponto que leva ao nervo ciático dor. Muito mais comum em homens do que em mulheres, e mais propensos a desenvolver em pessoas com mais de 30 anos de idade, nervo ciático dor pode afetar ambos os atletas são aqueles que são muito ativos ou pessoas que são mais sedentárias.
No Brasil, o exagero parece ocorrer sobretudo nos exames de imagem, como raios X e ressonância magnética. Infelizmente, porém, esses métodos não têm a capacidade de acusar a origem precisa do incômodo, salvo exceções como um tumor. Pelo visto, ter tempo para puxar a história do sujeito e avaliá-lo ao vivo e em cores é mais útil do que apelar de imediato para a tecnologia. Mas o pior é que muitas vezes quem reclama de dor nas costas comete um grande erro: o de nem procurar um profissional e se automedicar. Aí o tiro sai mesmo pela culatra. Mais do que efeitos colaterais, remédios podem render sérios danos a outros órgãos.
O artigo Could Hands be a New Treatment to Fibromyalgia? A Pilot Study (doi: 10.4172/2165-7025.1000394), de Juliana Silva Amaral Bruno, Daniel Marques Franco, Heloisa Ciol, Anderson Luis Zanchin, Vanderlei Salvador Bagnato e Antonio Eduardo de Aquino Junior, pode ser lido em www.omicsonline.org/open-access/could-hands-be-a-new-treatment-to-fibromyalgia-a-pilot-study-2165-7025-1000393.pdf.
O primeiro sinal de dor dos pacientes mostra que os músculos começam a ficar atrofiados, ou seja, fracos. Isso pode ser visto em pesquisas com pacientes que têm dor na coluna.  A musculatura abdominal é quem dá o sinal aos músculos que protegem a coluna vertebral para que eles fiquem fortalecidos. São músculos mais profundos, que ficam mais próximos da coluna vertebral e são eles que realmente a protegem. Esses músculos são conhecidos como multífidos.
A cirurgia está indicada quando a dor é muito intensa ou não melhora ao fim de 6 a 12 semanas. A cirurgia visa corrigir a causa da compressão do nervo ciático. Sendo a hérnia discal a causa mais comum de dor ciática, a cirurgia mais frequentemente realizada é a remoção do disco intervertebral que provoca essa compressão, permitindo um alívio sintomático em 90 a 95% dos doentes operados.
Esta técnica consiste na implantação de um dispositivo no espaço entre a espinal medula e a coluna vertebral (espaço epidural) para ajudar a aliviar a dor em doentes com dores nas costas relacionadas com os nervos. O dispositivo envia sinais elétricos que bloqueiam os sinais de dor enviados para o cérebro. O doente controla esses sinais através de um comando à distancia, personalizando a terapia anti dor. Um estudo realizado por vários centros que utilizam esta terapia revelou que entre os doentes com hérnias discais ou ruturas dos discos, cujas cirurgias não tinham aliviado as dores nas costas, 48% registaram 50% de melhoras em termos de dor nas pernas, bem como uma melhoria significativa de dor nas costas ao fim de seis meses.
Sim. É possível você aplicar esta técnica em você mesmo. Porém, nem todos os pontos estão ao alcance fácil. Todavia, muitos deles são fáceis de pressionar, como os pontos da mão, por exemplo. E o mais legal é que você pode realizar esta técnica em qualquer lugar, sem necessidade de nenhum material ou ambiente específico. Pode-se fazê-la no elevador, na academia, na fila do super-mercado, etc.
É também importante estar atento às alterações de sono desses pacientes. Os antidepressivos têm a vantagem de regular os períodos de sono. Alguns deles, porém, os mais modernos, devem ser tomados de manhã, porque interferem em determinadas fases do sono o que não acontece com os tricíclicos, como a amitriptilina, que podem ser tomados à noite porque contribuem para o relaxamento muscular e ajudam a dormir.

É importante que o paciente controle sempre o seu peso, mantenha uma boa postura, evite fumar, tenha hábitos saudáveis de vida e pratique esportes. Essas medidas auxiliam no tratamento e previnem o aparecimento de novas dores. É sempre importante que o paciente com dores nas costas procure um médico, para que ele possa fazer o diagnóstico adequado e indicar o melhor tratamento.
Imagine um fisioterapeuta que trata de maneira individual o paciente, executando todos os exercícios e procedimentos necessários a sua reabilitação, mas recebendo do plano de saúde a quantia ínfima de menos de R$ 20,00 por sessão? É aqui que o sucesso que o tratamento conversador deveria oferecer esbarra com as dificuldades do profissional, que precisa realizar muitos atendimentos por dia e, portanto, sem a mesma qualidade.

O gradual desgaste (osteoartrose das facetas articulares) da coluna lombar poderá só por si causar dor, habitualmente agravada com o movimento de torção e flexão do tronco. Este desgaste poderá também levar a um deslizamento de uma vértebra sobre a outra, podendo causar  compressão das estruturas nervosas, onde novamente a dor irradiada é um importante sinal de alerta. A esta patologia chamamos espondilolistese. 

6 minutos Existe medicamento para fibromialgia? Quando uma pessoa se sente excessivamente exausta e constantemente doendo por toda parte, ela pode ter fibromialgia. Seja bem-vindo a mais um artigo do blog Sua Solução Online. Dentro da nossa série sobre tratamento de fibromialgia, hoje nós iremos falar um pouco sobre medicamento para fibromialgia. A fibromialgia é conhecida como uma condição crônica caracterizada por dor generalizada nos músculos, ligamentos e tendões de uma pessoa, bem como: fadiga e múltiplos pontos dolorosos por todo corpo. Esses pontos Continue lendo→
Muitos desses fatores de risco provocam a inflamação, o que torna mais difícil para se curar de lesões e aumenta a dor. Para combater a inflamação e melhorar suas chances de alcançar o nervo ciático de socorro mais rapidamente, certifique-se de comer um nutriente-densos cura dieta, evitar o tabagismo/usar drogas e fazer exercício físico e a boa noite de sono.
×